Arquiteto ou Engenheiro? 2


arquiteto ou engenheiro

Muitas pessoas têm dúvidas sobre quem contratar na hora de fazer um projeto: Arquiteto ou Engenheiro? A resposta para essa questão é bem simples: os dois profissionais.

O trabalho do arquiteto e do engenheiro juntos, tem a função de agregar para o empreendimento. Enquanto o profissional da arquitetura realiza projetos arquitetônicos, o engenheiro faz os projetos complementares.

Se uma pessoa deseja construir um prédio, casa, ou realizar alguma outra obra, ela irá necessitar desses dois profissionais.

É claro que ambos podem fazer tudo sozinho, mas, sem a mesma eficiência.

O engenheiro civil dificilmente fará um projeto arquitetônico tão bom quanto o arquiteto. O arquiteto estudou para isso, ou seja, é sua especialidade, então não tem porque contratar outro profissional para fazer o seu papel.

Parceria Projeto EstruturalClique aqui para baixar tabela de valores http://bit.ly/tabelavalores

Não é necessário escolher entre um Arquiteto ou Engenheiro

Você não precisa optar por um Arquiteto ou Engenheiro, pois os dois profissionais  possuem características distintas. O ideal é que você tenha uma equipe qualificada para sua obra, formada tanto por arquitetos quanto por engenheiros.

Para você entender melhor a diferença entre eles, vamos mostrar a função de cada um.

ARQUITETO

Este profissional é fundamental para as primeiras etapas da construção, que seriam a concepção e o planejamento. O primeiro contato com o cliente que deseja construir. O profissional de arquitetura dará as primeiras ideias do projeto de acordo com a vontade do cliente.

 

O arquiteto é muito importante para que o resultado final tenha uma boa estética e funcionalidade. Permitindo assim, que os espaços da construção sejam utilizados na totalidade, sem que existam espaços “mortos”, que não sejam utilizados por não servir para nenhum objetivo no dia-a-dia de de uma casa, por exemplo. O profissional da arquitetura deverá entender qual o objetivo da construção, definindo a partir desses objetivos colocados pelo cliente, as melhores soluções arquitetônicas que vão transformar o projeto em realidade.

 

O arquiteto tem ideias criativas e traz inovação para o projeto arquitetônico. Ele passa cinco anos estudando a Arquitetura. Durante a universidade, o estudante de arquitetura têm aulas sobre: história da arquitetura e urbanismo; desenho arquitetônico; tecnologia das construções; sistemas estruturais, entre outras disciplinas. Através desse caminho, o arquiteto se torna um especialista no desenvolvimento de projetos de pequeno, médio, ou grande porte. Por isso, a competência de um arquiteto para fazer os projetos arquitetônicos, é superior em comparação com um engenheiro que aprende mais sobre outras áreas durante a universidade. Conforme veremos mais adiante.

 

Arquiteto ou Engenheiro_00000

 

O arquiteto é responsável por:

  • Fazer um bom uso do espaço

O arquiteto tem uma visão diferenciada do ambiente. Esse profissional consegue pensar em termos de distribuição adequada dos espaços, além do que engenheiro pensaria. Por isso, muitos projetos arquitetônicos realmente desenhados por arquitetos, fazem um excelente aproveitamento do espaço, tornado a obra depois de concluída, uma construção funcional.

 

Quando o projeto desenhado é bem elaborado e feito por um profissional de arquitetura, cada metro quadrado do terreno dentro do projeto é aproveitado para algum objetivo. Assim, não sobram espaços desprezados, e quando a construção está concluída, a utilidade de todos esses espaços são comprovadas diariamente, e podem atender os mais variados objetivos.

 

Portanto, se um engenheiro que é muito mais voltado para os cálculos estruturais, tiver o mesmo espaço e pegar o mesmo projeto para desenhar, esse engenheiro não conseguirá ter a mesma visão de distribuição de ambientes e funcionalidade que um arquiteto vai ter. Consequentemente, o projeto não terá a mesma qualidade descritiva e funcional.

 

  • Boa distribuição dos cômodos

Um arquiteto sabe dividir os cômodos de uma construção de maneira que não tenha tamanhos discrepantes. Cada ambiente é pensado de forma que entre em harmonia com os outros cômodos.

 

O profissional da arquitetura elabora o projeto de maneira que facilite o acesso à entrada principal e a entrada para outros cômodos. Sem deixar que um cômodo dependa do outro, fazendo com que todos sejam interligados, porém, independentes. E principalmente, o arquiteto sabe distinguir a importância de áreas comuns ou sociais das áreas mais restritas. Por exemplo, o arquiteto quando desenha um projeto arquitetônico, deixa as áreas íntimas da construção preservadas, sem que fiquem expostas para a área de visitas e a visão desse ambiente mais íntimo, seja possível por qualquer pessoa que adentra a residência.

 

  • Funcionalidade

Além de cuidar da parte estética do projeto, o profissional de arquitetura também é responsável pelo conforto das pessoas. O arquiteto pensa nas soluções para que a construção tenha boa ventilação, boa entrada de luz e outros pontos que farão o projeto ser melhor. Assim, quando a obra for executada de acordo com o projeto, essa arquitetura funcional, irá fazer com que o morador possa ter a residência sempre ventilada. Amenizando o calor nos dias de Verão e também afastando as doenças respiratórias típicas de Inverno. Além disso, com um projeto funcional, a energia elétrica pode ser poupada. Pois, com boa entrada de luz natural durante o dia, dificilmente será necessário acender as as luzes da residência durante esse período.

 

A maioria dos engenheiros não pensariam nesses pontos, levariam em conta apenas a praticidade do projeto e as maneiras mais viáveis para a execução. Por isso, a contratação de um arquiteto é fundamental.

 

Muitos acreditam que o arquiteto só é utilizado para a decoração de interiores, mas, podemos ver que o profissional de arquitetura exerce muitas funções fundamentais, que não devem ser dispensadas.

 

  • Parte legal, Prefeitura, Plano Diretor

O arquiteto também exerce uma ação fundamental para o cliente, que é resolver a parte legal do projeto com as leis do município, seja o plano diretor, código de obras/edificações e até mesmo código de posturas.

 

O arquiteto é um especialista nestas leis, e sabe melhor do que ninguém, adaptar estas condicionantes ao sonho do projeto do cliente.

 

Um exemplo que pode servir para entender melhor esse trabalho do arquiteto junto com o órgão público que regulamenta as construções pode se dar já no momento da escolha do terreno. O arquiteto pode auxiliar o cliente para tomar a decisão correta de qual terreno escolher para determinado empreendimento. Dependendo da maneira que funciona o plano diretor e de zoneamento das Prefeituras, alguns terrenos estão liberados somente para construções residenciais. Assim, o cliente que deseja buscar um terreno para a construção de um comércio, será auxiliado pelo arquiteto para a escolha adequada. Visando o local e também a funcionalidade desse terreno para o tipo de construção que o cliente deseja. Possibilitando assim ao arquiteto, elaborar com mais clareza o projeto arquitetônico.

 

ENGENHEIRO

O engenheiro civil será o responsável pelos projetos complementares ao do arquiteto, que são  necessários para a execução da obra e funcionalidade da edificação. O profissional de engenharia civil deverá contribuir com o trabalho do arquiteto desde o início do partido arquitetônico, para melhor compatibilização entre arquitetura e engenharia.

 

Se sua dúvida a respeito de Arquiteto ou Engenheiro Civil é sobre projetos arquitetônicos, a resposta é bem simples. Você deve contratar um arquiteto. Apenas o profissional de arquitetura será capaz de fazer um projeto arquitetônico da melhor maneira possível dentro dos anseios do cliente, e utilizando de maneira funcional os espaços.

 

Porém, ninguém quer só um projeto arquitetônico. Todo mundo quer ver a estrutura de pé. É aí que entra a função do engenheiro civil, que atua nas determinadas áreas.

 

  • Realiza cálculo estrutural

Através dos cálculos, o profissional de engenharia civil, conseguirá saber a quantidade de materiais necessários para fazer com que a estrutura fique de pé. Essa é a especialidade de um engenheiro civil.

 

Mas, o ideal é contratar uma equipe de engenharia que entenda o arquiteto, e busque a parceria com o profissional de arquitetura para o melhor resultado da obra. Trabalhando assim, por um mercado colaborativo com o foco no objetivo de atender com excelência o desejo do cliente.

 

  • Realiza projetos elétrico, hidrossanitário, preventivo contra incêndio

O engenheiro não realiza só projetos estruturais, mas, também outros projetos complementares. Entre esses projetos estão: projeto elétrico, hidrossanitário, preventivo contra incêndio, e outros mais que o projeto arquitetônico e a obra necessitarem.

 

O arquiteto dá início ao projeto e o engenheiro finaliza, um profissional completando o outro.

 

Por este fator, é essencial buscar profissionais que trabalhem juntos em colaboração, o que potencializa a conclusão da obra com sucesso. Parceria entre arquiteto e engenheiro, diminui o estresse de quem decidiu construir, rende o melhor resultado para obra na questão de aproveitamento de tempo e de materiais, e deixa o cliente mais seguro de que cada profissional está fazendo o melhor dentro de cada área específica, visando assim o objetivo comum que é a satisfação do cliente.

 

 

Arquiteto ou Engenheiro_00002

 

GERÊNCIA DE OBRA

Tanto o arquiteto quanto o engenheiro civil, podem ser responsáveis por gerenciar a obra. O planejamento de cada tarefa, o cronograma da obra, a quantidade de trabalhadores, os materiais necessários, trazendo as soluções para que o projeto arquitetônico seja realmente seguido.

 

O acompanhamento dos profissionais de arquitetura e engenharia civil é fundamental para que não haja despesas desnecessárias e para que os processos do empreendimento sejam otimizados, fazendo com que a construção se torne eficiente, rápida e mais barata.

 

Podemos ver que não é necessário escolher entre Arquiteto ou Engenheiro, pois cada um tem sua função determinada dentro da construção de um empreendimento, e devem sim trabalhar juntos. Se você gostou desse post, compartilhe com seus amigos.

Tabela de Valores Projetos Complementares

Projeto Estrutural Online é um escritório focado em soluções para arquitetos, para projetos e obras de pequeno porte. Oferecemos parceria e colaboração em todo trabalho do arquiteto. Garantindo assim que os projetos complementares respeitem e estejam compatibilizados com o partido arquitetônico.

Temos o diferencial de atender online, usando as ferramentas digitais para facilitar a discussão nos projetos e nos aproximar dos nossos parceiros, independente da região do Brasil que se encontrem.

Fazemos projeto estrutural, hidrossanitário, elétrico. Se quiser ver nossas tabela de preço, clique aqui e baixe ela.

Qualquer dúvida, sugestão ou desejo de nos conhecer para formar uma parceria entre em contato pelos seguintes canais:

E-mail: contato@projetoestruturalonline.com.br

Tel: (47) 9 8406-2788 (WhatsApp)

Skype: Projeto Estrutural Online

youtube.com/projetoestruturalonline

facebook.com/projetoestruturalonline

instagram.com/projetoestruturalonline

Quer ver um projeto de exemplo? Clique aqui e baixe uma amostra.

Entre em nosso site e conheça mais a Projeto Estrutural Online!
https://www.projetoestruturalonline.com.br/

Já baixou o nosso eBook? Nós atualizamos ele! Confira:
ARQUITETO – 12 DICAS PARA EVITAR RETRABALHO NOS SEUS PROJETOS.
http://bit.ly/eBook12DicasparaevitarRetrabalho

Precisou de projetos complementares? Fale com a gente!

Atendemos todo o Brasil!
Projeto Estrutural Online

 


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 pensamentos em “Arquiteto ou Engenheiro?