Cinema e Arquitetura: Os Filmes Cenários


 

Mesmo que uma ideia seja única, ou que pareça ser inovadora, todas as influências que absorvemos até aquele momento da concepção fazem parte do processo para se ter essa ideia. Cidades, construções, pessoas. Tudo isso contribuiu para acrescentar novas descobertas na nossa chamada “bagagem cultural”. Mas, e o que podemos falar do Cinema? Uma união de todas as influências que um roteirista coloca no papel para escrever uma história? Histórias que tem basicamente tudo o que a vida fora das telas tem. Porém, o que o Cinema tem haver com a Arquitetura?

Eisenstein

Eisenstein

O exemplo das cidades, construções e pessoas que citamos acima, parece responder um pouco essa questão. Todos os filmes tem a necessidade de locações. Locações são cenários (fictícios – construídos para determinado filme). Alguns filmes de Alfred Hitchcock eram gravados em estúdio e tinham cenários criados para que o suspense fosse além da reação dos atores). Isso permitia principalmente controlar a iluminação, e claro, gravar sob quaisquer condições do tempo, algo que ao ar livre seria muito mais complicado e demorado.

Em cenários reais, encontrar a locação que represente bem a história que se queira contar no filme, é o desafio. Destaque para alguns filmes da era chamada de Neo-realismo, que surgiu na Itália pós 2ª Guerra Mundial. São três diretores que se destacaram com esses filmes que mostravam o espaço real italiano. Roberto Rossellini; Vittorio De Sica; Luchino Visconti. No Brasil, destaque para o movimento chamado de Cinema Novo. O primeiro filme desse movimento cinematográfico foi “Rio 40 Graus”, em 1955, e um dos nomes mais lembrados até hoje, é o do cineasta Glauber Rocha, que utilizava o sertão brasileiro com a terra seca por falta d’água e da chuva, para ambientar as histórias que contava sobre o povo do nordeste. Um dos filmes mais aclamados é Deus e o Diabo na Terra do Sol.

deus e o diabo na terra do sol

deus e o diabo na terra do sol

Confira aqui uma lista de cinco filmes que tem tudo haver com arquitetura.

origem

A origem

A Origem – (Dir. Christopher Nolan) É inspirado nas obras de Jorge Luis Borges (poeta argentino). Construído através dessa influência surrealista das obras do escritor, o filme é a busca pela reorganização do inconsciente de uma pessoa. Ruas aparecem e desaparecem, cidades novas são construídas, e espelhos fazem jogos entre real e imaginário. Tudo isso para representar o que se passa na cabeça do personagem.

o iluminado

o iluminado

O Iluminado – (Dir. Stanley Kubrick) Uma história de suspense que se passa em um hotel. O destaque para esse filme é a maneira de utilizar os corredores, as escadas, e as formas geométricas com os personagens sempre no ponto central da cena, divididos no quadro de maneira iguais. União de fotografia e arquitetura.

fabuloso destino de amélie poulain

O Fabuloso destino de amélie poulain

O Fabuloso Destino de Amélie Poulain –  (Jean-Pierre Jeunet) O filme é um passeio pelas ruas de Paris, na França. Com as barracas de frutas ao ar livre e os clássicos cafés de Paris. Esse passeio é movido pela busca de uma menina em descobrir o que existe fora de casa.

Muito Além do Jardim

Muito Além do Jardim

Muito Além do Jardim – (Hal Ashby) A história de um jardineiro que cresce na casa do patrão sem nunca ter saído dela. Todo o conhecimento que ele tem sobre a vida vem dos programas de TV que assistia, até o dia em que é obrigado a deixar a casa para sempre e saí para caminhar sem direção pelas ruas dos Estados Unidos. Junto com ele conhecemos as ruas de Nova York, e outros lugares emblemáticos da cidade.

dogville

Dogville

Dogville – (Lars von Trier) Esse é um dos raros filmes onde é o espectador que irá pensar em qual será a decoração ideal ou ainda, qual o cenário ideal para cada cena. Os cenários onde ocorrem os diálogos, quarto, sala, rua, e assim por diante, são descritos somente com marcações no chão, delimitando esses espaços. Cabe a imaginação criar as paredes dessa forte história psicológica.

 

Você consegue lembrar mais algum filme que tem um belo cenário? Escreve e conta pra gente.

 

Este artigo foi contribuição do nosso convidado e amigo Cleiton Schlindwein, que é jornalista, com pós graduação em Cinema. Possui mais de 15 anos de experiência na comunicação. Atualmente, além de colaborar com os textos da Projeto Estrutural Online, é fotógrafo e também atende empresas e pessoas produzindo vídeos para internet. Paralelamente, desenvolve projetos de Roteiro Audiovisual e Produção voltados para Cinema e TV.

Valores Projetos Complementares

Valores Projetos Complementares bit.ly/tabelavalores

Quem somos

A Projeto Estrutural Online é um escritório focado em soluções para arquitetos, para projetos e obras de pequeno porte. Oferecemos parceria e colaboração em todo trabalho do arquiteto. Garantindo assim que os projetos complementares respeitem e estejam compatibilizados com o partido arquitetônico.

Temos o diferencial de atender online, usando as ferramentas digitais para facilitar a discussão nos projetos e nos aproximar dos nossos parceiros, independente da região do Brasil que se encontrem.

Fazemos projeto estrutural, hidrossanitário, elétrico. Se quiser ver nossas tabela de preço, clique aqui e baixe ela.

Qualquer dúvida, sugestão ou desejo de nos conhecer para formar uma parceria entre em contato pelos seguintes canais:

E-mail: contato@projetoestruturalonline.com.br

Tel: (47) 9 8406-2788 (WhatsApp)

Skype: Projeto Estrutural Online

youtube.com/projetoestruturalonline

facebook.com/projetoestruturalonline

instagram.com/projetoestruturalonline

Quer ver um projeto de exemplo? Clique aqui e baixe uma amostra.

Entre em nosso site e conheça mais a Projeto Estrutural Online!

https://www.projetoestruturalonline.com.br/

Já baixou o nosso eBook? Nós atualizamos ele! Confira:

ARQUITETO – 12 DICAS PARA EVITAR RETRABALHO NOS SEUS PROJETOS.

http://bit.ly/eBook12DicasparaevitarRetrabalho

Precisou de projetos complementares? Fale com a gente!

Atendemos todo o Brasil!

Projeto Estrutural Online

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *